• IO Interactive confirma desenvolvimento de um novo Hitman


    IO Interactive confirmou um novo Hitman em desenvolvimento.

    "Estamos a fazer um progresso excelente" - diz Hakan Abrak (CEO da IO Interactive) em um post comemorativo do lançamento de Hitman Game of the Year edition. - "Temos novas features excitantes e outras coisas que não podemos esperar mais para contar a vocês".
    Mas essas serão apenas as notícias que vamos ter:

    "Não planeamos começar a falar sobre isso até um certo ponto de 2018." - explicou Abrak.



    Um pouco mais abaixo no post, Abrak ofereceu uma pequena atualização no estado atual do estúdio.

    "Cinco meses atrás" - ele conta - "Eu publiquei uma carta aberta para todos saberem que a IO-Interactive se tornou um estúdio independente mais uma vez. Mantivemos isso em silêncio desde então, poque a nossa necessidade era de focar no que queremos para a IO Interactive, em termos de empregados, a nossa cultura, as nossas ambições e sonhos para o futuro. Tem sido difícil e uma aventura, mas incrivelmente excitante enquanto trabalhamos para um novo começo para este estúdio."
    IO primeiro revelou que se tornou um estúdio independente após a Square Enix decidir vender o estúdio de surpresa em Maio deste ano. Algumas semanas depois do anúncio da Square Enix, IO teve que demitir vários funcionários.

    Se já tens o Hitman Complete First Season no PC, PS4 ou Xbox One, podes pagar um pequeno valor para atualizar para a versão Game of the Year

    [no-sidebar]
  • PODERÁS GOSTAR DE LER:

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Aviso!

    1. São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.

    2. Os comentários não podem ser escritos integralmente em maiúsculas ou em parte. As maiúsculas devem ser usadas apenas no início das frases e em siglas e acrónimos.

    3. Os comentários não podem incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML.

    4. Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes.

    5. É inaceitável conteúdo publicitário, comercial, ou partidário.

    6. Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone.

    7. É proibido ferir ou incentivar a ferir estas regras.